13

Ex-integrante do Legião Urbana vira morador de rua


A todos os leitores Rebobinantes, meu tradicional olá. Bom galera, sei que esse é um assunto já batido, mas a nível de atualização de informação resolvi postar assim mesmo. A algum tempo atrás fiz uma postagem falando sobre o Renato Rocha, ex-baixista do Legião Urbana, quem era, e como se encontrava nos dias atuais.



Porém, novas informações sobre a vida do ex-baixista da Legião foram divulgadas em toda a imprensa no mês passado, e eu precisava atualizá-las aqui no blog.

Então vamos lá.


Em reportagem exibida na noite de domingo 25 de março no programa Domingo Espetacular, a Record mostrou como vive o ex-baixista do Legião Urbana, Renato Rocha. Uma equipe de reportagem da emissora encontrou o músico vivendo nas ruas do centro do Rio de Janeiro.

Renato Rocha fez parte da formação original do Legião Urbana, integrando o grupo de 1984 a 1989. Ele participou dos três primeiros álbuns do grupo - Legião Urbana (1985), Dois (1986) e Que País É Este (1987) -, compondo com Renato Russo os hits Geração Coca-Cola e Eduardo e Mônica.

Os problemas com bebidas acabaram fazendo com que Renato Rocha fosse expulso do Legião Urbana. Em entrevista à Record, ele disse que usava calmantes e bebia bastante após os shows do grupo. “Às vezes você toma um calmante e calmante é droga. Eu preferia tomar um calmante", disse o ex-baixista. “Depois dos shows podia liberar tudo.”


O ex-baixista do Legião Urbana está nas ruas há cinco anos. Em levantamento feito pela Record, ele teria recebido mais de R$ 109 mil em direitos autorais de 2002 a fevereiro de 2012, e mesmo assim ele foi parar nas ruas. “Como pode um disco vender mais de 12 milhões de cópias e eu ficar na rua?", se pergunta Renato Rocha.

O pai do músico, o advogado e sargento aposentado do exército Sebastião Rocha, mora em Brasília e há 10 anos não conversa com o filho. Ele tomou conhecimento da situação de Renato Rocha há poucos dias e não entende como ele foi parar nas ruas. “Problema que dá nó até em psicólogo”, disse o pai do músico, que atribui às drogas o caminho infeliz do filho. “Foram às drogas, sem dúvida foram Às drogas.”

Sebastião Rocha contou ainda que a família nunca o repudiou, mesmo com os problemas com drogas. “A gente sempre procurou aconselhar. [Ele] não é brigado com nenhum dos irmão, e nem comigo também”, revelou o pai de Renato Rocha, que tentou falar pro filho, no auge da fama, para guardar e aplicar bem o dinheiro. “Pega seu dinheiro, compra imóvel, compra automóvel, aplica o dinheiro. E ele não, ‘dinheiro é pra gastar’.
Veja a reportagem completa:

13 Comentários:

Pecado Capital rebobinou e disse...

Que tristeza não??
Sem palavras para seu post hoje.
Abraços e boa semana.

Eduardo Montanari rebobinou e disse...

Esse tipo de história me dá muito medo sabe? medo de acabar assim, pois você vê um cara desses, que fez sucesso, mas não soube administrar a própria vida. Fico imaginando que dependendo dos erros que cometemos, se não soubermos tomar as decisões certas, a coisa pode acabar assim. tenho medo.
Ah Marcos, desculpa, mas ando tão corrido que não tenho tido tempo de ver o lance do blog. Não vou te prometer nada, pois posso acabar não cumprindo.
Ow, tira essas letrinhas chatas que temos que digitar na hora de comentar. Também me dão muito medo.

Marcos Mariano rebobinou e disse...

É sim Helen, uma situação realmente lamentável.


Olá Edu. Cara, o problema do Renato Rocha é mais psicológico do que propriamente financeiro, pelo que pesquisei, o que levou ele as ruas foi mais motivos emocionais mesmo.
Ta tranquilo Edu, se não der pra fazer o lance do blog tudo bem, já tirei as letrinhas rs.

Sissym rebobinou e disse...

Marcos, eu tinh alido isso em algum lugar. Eu fico tao triste, sabe?! Dá uma sensação de vazio dentro de mim! Eu penso que muitas pessoas neste mundo podem ter suas vidas viradas de cabeça para baixo - seja financeiramente ou afetivamente, ou ambos. Conheço casos... assusta.

BEIJOS

Rike rebobinou e disse...

Olá, Marcos!
Ele não é nenhum santo, quem um pouco da história da banda conhece sabe disso.
Abçs!
Rike.


P.s.: o meme ao qual me indicou sairá lá no meu blog sábado (28/04).

Marcos Mariano rebobinou e disse...

Oi Sissym, realmente da uma tristeza mesmo, principalmente pra quem curte o trabalho da banda desde o inicio. Mas a minha tristeza é ver como alguém pode desperdiça tamanha oportunidade como foi o caso do Renato Rocha, mas cada um sabe onde o calo aperta. Eu torço para ele se levantar novamente.

-------------------------------------

Olá Rick, é verdade, o Renato Rocha esta num caminho que ele mesmo traçou e é triste ver isso, um cara que teve tudo pra terminar bem, e esta nessa situação.

OK Rick, abraço.

Leila Franca rebobinou e disse...

Oi Marcos,

É a bebida, as drogas e outros vícios que levam às pessoas para as ruas. Infelizmente. É importante ficarmos longe dessas coisas.

A família do Renato Russo morou e ainda mora perto da minha casa. Naqueles tempos o grupo ensaiava aqui tão perto que daqui de casa que dava pra ouvir o Renato Russo cantar...

Marcos Mariano rebobinou e disse...

Oi Leila, realmente o vicio tem o poder de destruir qualquer um, seja ele quem for.
Nossa! Que legal em, poder ouvir de casa os ensaios do Renato Russo e banda, imagino que vc deve ter boas histórias para contar.

Abraços

lucidreira rebobinou e disse...

Pois é tem muita gente que cai nessa situação, e tudo por falta de querer pedir ajuda. Os jovens do nosso pais não querem se socializar ou ouvir dos mais experientes os conselhos que deveriam adquirir.
É lamentável , mais de longe o que podemos fazer é desejar que Deus tome a causa dele e faça conscientizar-se de fugir disso tudo.
Abraço

ELAINE rebobinou e disse...

Olá! Cheguei aqui através de um blog amigo! Vim conhecer, gostei e já estou seguindo! Ficarei muito feliz, honrada e agradecida se quiseres retribuir me seguindo também! Parabéns pela postagem! É triste, mas este tipo de situação acontece muito mais do que se imagina! Bênçãos de paz, alegria, união e amor! Um abençoado Domingo! Carinhoso abraço!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

Marcos Mariano rebobinou e disse...

Seja bem vinda Elaine, já estou te seguindo la no seu blog. Realmente situações como essa, entristecem e muito, principalmente por vermos que talentos são jogados fora, por causa de vícios.

Seja bem vinda

Geraldo Oliveira rebobinou e disse...

Olá Marcos. Realmente situação lamentável. Sou baixista e as vzz imagino o que passa na cabeça do músico.
Encontrei seu blog pelo google. Gostei. A pesquisa é científica e qualquer informação utilizada será creditada sim.
Abraço. Geraldo Oliveira

Geraldo Oliveira rebobinou e disse...

Olá Marcos. Realmente situação lamentável. Sou baixista e as vzz imagino o que passa na cabeça do músico.
Encontrei seu blog pelo google. Gostei. A pesquisa é científica e qualquer informação utilizada será creditada sim.
Abraço. Geraldo Oliveira

Postar um comentário

REGRAS DO BLOG
- Todos os comentários são moderados e só ficarão disponíveis após serem aprovados.

SERÃO BLOQUEADOS OU APAGADOS AQUELES COMENTÁRIOS QUE CONSISTAM EM:
- Ofensas, grosserias e discordâncias desrespeitosas contra o autor do blog, ou outros comentaristas;
- Comentários com o objetivo exclusivo de perturbar (trollagens, provocações e bullying virtual)
- Comentários sem relação alguma com o conteúdo;
- Comentários duplicados;
- Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa, grupo de pessoas e instituições;
- Pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
- Propagandas políticas, religiosas, de produtos e serviços.
- Comentários que caracterizem prática de spam;

 
no-repit center;