6

3D pode fazer mal à visão?



Ola a todos amigos Rebobinantes.

A algumas semanas atras eu fui ao cinema com minha namorada assistir o filme Fúria de Titãs, mas só agora tive tempo pra postar esse artigo, como curto muito filmes épicos não podia perder essa, principalmente pelo fato do filme ser em 3D, confesso que minha expectativa era grande.



Mais pra minha infelicidade o filme não foi o que eu esperava, pelo menos no quesito interpretação, roteiro e desenvolvimento da história achei muito fraco, mas ainda sim eu gostei.

As imagens, criadas com computação gráfica e cenários grandiosos, são empolgantes. Criaturas fabulosas como harpias e escorpiões gigantes fazem o abre-alas para o maior monstro já visto nas telonas, o Kraken. Todas têm peso e presença, as batalhas contra elas são frenéticas e bem coreografadas e equilibradas com um alívio cômico aqui e ali. Enfim, a receita do sucesso dos filmes recentes de aventura, vê esses monstros todos ganhando vida e cheios de efeitos pulando da tela foi o que mais curti.

Acima a reunião dos deuses no monte Olimpo

O épico é uma refilmagem do longa de 1981, mas muitos como eu, assistiram na sessão da tarde, não há quem tenha visto o filme em sua infância que não se recorde da corujinha dourada de Atena ou da maneira como Perseu decapitou a Medusa.


Bom, mas o que me levou a postar esse artigo não foi o filme em si, mais um buato que esta rolando por ai que o 3D esta causando problemas de vista e mal-estar.

Confesso que em alguns momentos os óculos me incomodavam bastante, algumas horas preferi tirá-los, mas não cheguei a sentir mal-estar ou a ter problemas de vista, se bem que é raro eu assistir filmes em 3D, isso deve acontecer com pessoas que assistem frequentemente.

olha eu ai gente rsrs

A coisa é mais omenos assim, você vai ao cinema na espera de curtir um bom filme com uma infinidade de imagens saltando da tela. Mas, no lugar da satisfação que isso deveria causar, alguns sentem uma tremenda dor de cabeça e náuseas insuportáveis. Já aconteceu com você? Não se preocupe, várias pessoas já passaram pelo mesmo problema. O elevado número de pessoas reclamando de incômodos deste tipo tem feito alguns pesquisadores começarem a investigar os efeitos dos filmes 3D na visão.

Mas por que, afinal, há o incômodo relacionado às imagens em 3D?


Ao olhar uma imagem em três dimensões na tela do cinema, o que você vê, na verdade, são duas imagens um pouco deslocadas horizontalmente uma da outra - o filtro nas lentes dos óculos faz com que cada olho capte uma delas. O cérebro une essas duas imagens em uma só, gerando a noção de profundidade. O mecanismo é o mesmo no dia a dia: os olhos se movimentam dentro da cavidade ocular. Eles vão um pouco para dentro ou para fora e as retinas se adaptam para que a mesma imagem esteja no centro. A isso chamamos de convergência - é esse o processo que nos dá a noção de profundidade.

A diferença entre a tela do cinema e a vida real, é que, quando observam objetos reais, seus olhos também se acomodam a uma diferença de foco, já que as imagens estão de fato a distâncias diferentes. No 3D essa distância é falsa - os objetos estão todos no mesmo plano, na tela. Por isso, pesquisadores acreditam que algumas pessoas podem ter problemas de ajustamento entre a acomodação e a convergência dos olhos.


Sobre a possibilidade de problemas de vista permanentes, o oftamologista e professor da Unifesp Augusto Paranhos tranquiliza. “A rigor, não existe nenhum distúrbio definitivo por assistir 3D demais. O que existe é um mal-estar momentâneo, que vai levar a pessoa a se sentir indisposta e parar de assistir”, diz. O desconforto, em sua opinião, funcionaria como uma espécie de proteção contra danos. “Não acredito que alguém vá continuar insistindo em algo que cause náuseas e dores de cabeça. A pessoa vai se sentir mal e parar de assistir 3D. O próprio mal-estar acaba limitando as conseqüências”.

Paranhos cita outras três situações em que o mal estar pode ocorrer e alguns passos que você deve seguir antes de se preocupar.

1) Se você estiver mal posicionado no cinema (ou diante do televisor), as imagens chegam aos seus olhos em um ângulo desfavorável. Troque de lugar.

2) Se você mudar de lugar e não adiantar, existe a possibilidade de o 3D ser mal feito. As imagens relativas ao olho esquerdo e ao olho direito devem estar levemente deslocadas horizontalmente uma da outra. Se houver qualquer tipo de desvio vertical, por menor que seja, seus olhos terão dificuldades de adaptação e você se sentirá mal. Desista do filme.

3) Se todo filme que assiste causar-lhe mal estar, talvez você tenha um probleminha de convergência nos olhos. Somente neste caso é preciso procurar um oftalmologista.



Fonte sobre o 3D ( Revista Galileu )

6 Comentários:

Eduardo Montanari rebobinou e disse...

Eu confesso que fiquei muito frustrado e saí do cinema quase chorando quando descobri que o meu problema de visão na vista (não enxergo do olho direito) me impossibilitava de ver filmes 3D. Para mim os efeitos não funcionam. Se fico sem os óculos 3D, o filme fica todo desfocado e, se coloco os óculos o filme fica apenas normal. É preciso enxergar dos dois olhos visuais para que a "mágica" funcione.
Bom, de certo modo é uma economia de grana. Filme 3D é caro.

Gabriel Cavalcante rebobinou e disse...

Só assisti em 3D uma vez e foi suficiente para eu não gostar, primeiro porque eu fiquei com muita dor na cabeça, segundo por que o filme era uma porcaria, terceiro, como o Eduardo Montanari, 3D é mais caro então eu não sou tão louco assim por esse tipo de filme.
Marcos, eu reformei o meu blog (de novo), o link é o mesmo mas tem outros banners agora, se vc quiser mudar é só da uma passada por lá

Sissym rebobinou e disse...

Marcos, sobre acreditar, hummmm, acho que fica a sensação como assistir esses filmes de ficção. Gostamos ou não, queremos ou não, desde que possamos nos sentir bem. Eu escrevo sonhos, sonhos para trazer leveza e um pouco de ternura às pessoas.

Beijocas

Marcos Mariano rebobinou e disse...

Ola amigos
nem fale,realmente 3D é caro
e me encomodou bastante,num é atoa que quase num assisto filme 3D

Grande abraços a todos obg pelo carinho

Eduardo Montanari rebobinou e disse...

Eu sabia que você ia me perguntar sobre a barra de rolagem. Inclusive quando implementei o código já estava pensando em lhe passar. É simples. No código do widget eu fiz isso:

#spylist {
overflow-x:scroll;
overflow-y:hidden;
margin-top:5px;
padding:0px 0px;
height:350px;

coloque essas duas linhas de overflow x e y e fica tudo certo.

Rike rebobinou e disse...

Olá, Marcos!
No começo tive vontade de ver, mas logo depois de assitir um trecho e ler algumas crítiticas, não tive coragem e preferi ficar em casa.
Quanto ao 3D não sei, pois como uso óculos, não me motivo a ver filmes assim, me incomoda óculos sobre óculos.
Abçs!
Rike.

Postar um comentário

REGRAS DO BLOG
- Todos os comentários são moderados e só ficarão disponíveis após serem aprovados.

SERÃO BLOQUEADOS OU APAGADOS AQUELES COMENTÁRIOS QUE CONSISTAM EM:
- Ofensas, grosserias e discordâncias desrespeitosas contra o autor do blog, ou outros comentaristas;
- Comentários com o objetivo exclusivo de perturbar (trollagens, provocações e bullying virtual)
- Comentários sem relação alguma com o conteúdo;
- Comentários duplicados;
- Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa, grupo de pessoas e instituições;
- Pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
- Propagandas políticas, religiosas, de produtos e serviços.
- Comentários que caracterizem prática de spam;

 
no-repit center;